Categorias

Baixar um arquivo sem extensão ou sem nome

Muitos, ao lerem este post se perguntarão: mas qual a maldita finalidade de se baixar um bendito arquivo sem uma bendita extensão? Pois saibam que para muitos, repito, para muitos isso tem sim uma finalidade. 



Às vezes por motivo de força maior (infecções, etc.), o Windows não libera as opções de pasta do menu explorer para que o usuário possa solicitar "mostrar extensões nos arquivos, mostrar arquivos ocultos, etc." e é aí que o arquivo "*.blogspot" entra em ação:

Considere o seguinte problema (do qual eu passei):

Você acaba de formatar um PC com o Windows XP Profissional SP3 e quer instalar um player (reprodutor de Áudio e Vídeo) melhor diferente da porcaria do maravilhoso Windows Media Player que infelizmente amigavelmente já veio instalado com o SO da Micro$oft. 

Vamos supor que nós queremos o KMPlayer (Na minha opinião é um dos melhores em termos de codecs), só que as amostras de mídias presentes no Windows não são o suficientes para você configurar/testar o programa, adequadamente, e o WMP (muito ciumento) não deixa de abrir automaticamente toda vez que você executa um arquivo de áudio/vídeo. O que a gente faz?

Primeiramente baixe o arquivo *.blogspot para a pasta de sua preferência e faça cópias dele no mesmo local renomeando-as para as extensões das quais você deseja testar, sejam eles vídeos (*.avi, *.mp4, *.3gp, *.wmv, *.vob, *.rmvb, etc...) ou áudios (*.mp3, *.wav, *.flacc, *.wma, etc...); você pode copiar a quantidade que achar necessário, lembrando sempre de manter ao menos um original para que não haja a necessidade de baixar o arquivo novamente.

Como a extensão (.blogspot) criada é "desconhecida", a possibilidade de um antivírus entrar em conflito com o arquivo é bem remota (independente do fabricante) pois o arquivo possui a marca de qualidade do Digital Entretenimento (:)). O Arquivo em seu PC ficará parecido com a imagem abaixo: (dependendo das configurações de exibição de arquivos, é lógico.)


Após você "fabricar" todo o tipo de arquivos de áudio e vídeo que quiser/precisar você irá clicar no arquivo de mídia com o botão direito do mouse e clicar em "abrir com..."

 Caso o programa (KMplayer está sendo usado no exemplo) que você deseja não estiver relacionado na lista você irá clicar em "escolher programa..." para visualizar uma outra lista de programas, desta vez mais "rica":


Provavelmente o programa deverá aparecer nesta lista, mas se não aparecer não se desespere, clique em "procurar..." e uma janelinha do explorer aparecerá permitindo que você navegue em seu hd em busca do bendito programa do qual você está procurando. Assim que localizá-lo clique em "Abrir" e o programa irá para a lista anterior da qual antes não estava:


Não se esqueça de marcar a opção "Sempre usar o programa selecionado...para este arquivo". Daí você não irá mais se irritar com o programa nativo do Windows e sempre que abrir aquele tipo de arquivo o programa que você escolheu como preferido irá executar.

Nós usamos aqui exemplos que na verdade podem ser aplicados a qualquer tipo de programa, seja de edição, visualização, reprodução, etc. Essa dica é muito bem vinda para por exemplo quem gosta de ouvir música no Winamp mas prefere o Real Media Player para assistir vídeos, para quem gostar de criar imagens no Corel Draw mas prefere o Photoshop para editar montagens, para quem usa os arquivos *.rar com o WinRar e deixa os *.zip por conta do 7-zip, enfim...

Gostaram? Tem mais dicas de arquivos? Comentem para que com a ajuda de vocês possamos atualizar o post (com os devidos créditos) e ajudar mais pessoas.

(Não fiquem com medo, o arquivo *.blogspot é um mp3, só que sem a extensão, ou seja, se você renomeá-lo para qualquer nome e no final substituir o blogspot por mp3 será possível ouvir a música normalmente em seu player preferido. Palavra de Gyngonet).


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Links Ociosos